Publicidade

Por Mariana Coutinho; Para O TechTudo


Parece Photoshop, mas os retratos iluminados do fotógrafo francês Fabrice Wittner são feitos com modelos de estêncil. O projeto Enlightened Souls (“Almas Iluminadas”) começou em maio de 2011 em Christchurch, na Nova Zelândia, dois meses após um terremoto que destruiu partes da cidade. O objetivo do fotográfo era retratar “as perdas humanas” por meio de sua arte.

Enlightened Souls (Foto: Reprodução/ Fabrice Wittner) — Foto: TechTudo

Para criar suas composições, Wittner primeiro tira fotografias de pessoas comuns nos lugares que deseja retratar. Em seguida, ele cria moldes dessas pessoas recortando papelão. Então, os moldes são iluminados para criar o efeito final.

Durante uma viagem ao Vietnã, o fotógrafo resolveu usar as mesmas técnicas de seus “retratos iluminados” e fazer composições de habitantes de vilas remotas do norte em cenários da capital, Hanói. A ideia era justamente mostrar as diferenças entre as duas regiões. Wittner tem planos de levar o projeto para outros países.

Projeto chega a Hanói, no Vietnã (Foto: Reprodução/ Fabrice Wittner) — Foto: TechTudo

Fotógrafo faz retratos de luz no Vietnã (Foto: Reprodução/ Projeto chega a Hanói, no Vietnã (Foto: Reprodução/ Fabrice Wittner)) — Foto: TechTudo

Fotógrafo cria imagens a partir de estêncil (Foto: Reprodução/ Fabrice Wittner) — Foto: TechTudo

Enlightened Souls na Nova Zelândia (Foto: Reprodução/ Fabrice Wittner) — Foto: TechTudo

Mais do TechTudo