Publicidade

Por Ana Paula Guedes; Para O TechTudo


A Microsoft decidiu acelerar o processo de chegada da segunda geração do Windows Phone 7, com rumores de ser comercializado no Natal deste ano. Aos usuários do WP7, o dispositivo poderá vir bem mais robusto, melhorado e, quem sabe, aberto para outros softwares.

Windows Phone 7 ainda precisa de melhorias para conquistar usuários (Foto: Divulgação) — Foto: TechTudo

Em discurso feito aos patrocinadores da Imagine Cup (competição de tecnologia voltada para estudantes), o presidente executivo da Microsoft, Steve Ballmer, disse que a primeira geração do Windows Phone foi um sucesso. “Eu amei os aplicativos que vi do Windows Phone e a utilização deles. Para quem antes não trabalhava com nenhum celular no mercado, hoje estamos à frente com a Nokia”, declarou o executivo.

Em relação ao seu comentário, podemos dizer que a primeira geração do Windows Phone chegou ao público com a qualidade questionada, já que o sistema operacional era novo e pouco conhecido. O aparelho, apesar de dinâmico, trouxe muitas dúvidas e diversos usuários ficaram insatisfeitos em relação à bateria, dificuldades na hora de desligá-lo, entre outros problemas apontados no fórum de soluções da empresa.

Apesar das críticas, o WP7 trouxe um formato claro e bem acessível, oferecendo tudo o que você precisa de maneira facilitada, apesar de ter tido algumas dificuldades como as demoradas atualizações e, se comparado com o Android ou o iOS, o sistema não chega a ser tão funcional como os outros que dominam o mercado há mais tempo.

O que é certo é que, como o próprio Steve Ballmer disse na Imagine Cup, a Microsoft melhorou muito por conseguir apresentar, em um espaço curto de tempo, um celular que pudesse se enquadrar ao perfil do consumidor.

Agora só nos resta esperar a chegada do Natal para ver de perto a segunda geração do Windows Phone que, com certeza, deve trazer grandes novidades ao sistema.

Via Ubergizmo

Mais do TechTudo